Tarefas

1. Monitorização do estado de salinização dos solos e da qualidade da água de rega.

Esta tarefa tem como objectivo caracterizar o sistema solo-planta-biosfera específicos dos 4 casos de estudo do Projecto.

2. Monitorização dos parâmetros fisiológicos das culturas.

Esta tarefa pretende utilizar indicadores fisiológicos para avaliar o desempenho das principais culturas nas áreas estudadas e relacioná-los com o rendimento das culturas e práticas agrícolas locais.

3. Mapeamento da salinidade dos solos com métodos geofísicos.

Esta tarefa tem como objetivo mapear a variabilidade espacial das propriedades do solo nas áreas experimentais. Além disso, pretende desenvolver modelos de calibração que permitam o uso de indução eletromagnética (EMI) no mapeamento das propriedades do solo à escala regional.

4. Modelação da dinâmica da água e do transporte de solutos no solo.

Esta tarefa visa a simulação da dinâmica da água no solo, a salinidade total do solo e o transporte de solutos em cada parcela experimental com o os modelos HYDRUS-2D e o MOHID-Land.

5. Desenvolvimento de uma plataforma WebGIS para avaliação do estado de salinização do solo.

Esta tarefa serve de base ao desenvolvimento de uma plataforma para transferir dados, conhecimento e criar consciência sobre os riscos da salinização do solo junto da sociedade. A plataforma terá a capacidade de um WebGIS, exibindo informações distribuídas de espaço, como os resultados do modelo e as propriedades do solo.

6. Gestão do Projecto e disseminação dos resultados.